Operação policial prende três pessoas e apreende adolescentes, drogas e munições em Pinheiros

0
604

Uma operação conjunta da Delegacia de Polícia (DP) de Pinheiros e do 2º Batalhão da Polícia Militar resultou na prisão de três suspeitos de 21, 25 e 34 anos e na apreensão de dois adolescentes de 15 e 17 anos, por tráfico de drogas, associação para o tráfico, porte ilegal de munições, nos bairros Domiciano e Jundia, em Pinheiros.

Segundo o titular da DP de Pinheiros, delegado Leonardo Ávila, a ação é fruto de investigações sobre alguns incêndios em residências, que ocorreram no município.

“Essa organização criminosa vem ameaçando moradores da região, inclusive, eles colocavam fogo nos imóveis para comprá-los por um preço muito baixo, ou expulsavam esses moradores para poder instalar nesses locais ‘bocas de fumo’, pontos de tráfico de drogas”, contou Ávila.

Segundo o delegado, o líder da organização, o detido de 34 anos tem passagens pela polícia e, recentemente, durante uma busca e apreensão na residência dele, foi apreendido um revólver calibre 38. “Dessa vez, tornamos a fazer uma busca e apreensão na residência dele, no bairro Domiciano, onde apreendemos uma grande quantidade de drogas. Ele é investigado por ameaçar moradores da região e colocar fogo nos imóveis”, relatou o delegado.

Durante a operação, foram apreendidos 54 buchas de maconha, 17 buchas de maconha grandes, 16 munições de armas de fogo, 313 pedras de crack, uma porção de cocaína de 77 gramas, uma pedra de crack grande e R$ 360 em espécie.

De acordo com o comandante do 2º Batalhão, tenente-coronel Mário Dal Col, as operações integradas no município de Pinheiros serão intensificadas para levar mais tranquilidade e segurança para a população.

“O foco do nosso trabalho é combater o tráfico de drogas, porque os outros crimes – roubo, furto e homicídio –, têm relação com o tráfico de entorpecentes. Tenho certeza que combatendo o tráfico de drogas e obtendo resultados positivos como desta operação, faremos com que Pinheiros tenha mais segurança e a população possa viver com mais tranquilidade”, disse o comandante.

Os adolescentes de 15 e 17 anos assinaram um boletim de ocorrência circunstanciado (BOC) por tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas e foram reintegrados às famílias.

A suspeita de 25 anos, detida no bairro Jundia, foi autuada em flagrante por posse irregular de munições e pagou a fiança para responder o processo em liberdade. A conduzida, detida em Domiciano, foi ouvida e liberada, após a autoridade policial entender que não havia elementos suficientes para lavrar auto de prisão em flagrante.

O líder da organização, o detido de 34 anos, foi autuado, em flagrante, por tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas e será indiciado pelos incêndios criminosos. Ele foi encaminhado ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de São Mateus.

Compartilhar

Deixe uma resposta

*