Nater Coop: nova marca da Coopeavi demonstra diversificação no agro e crescimento da organização

0
69
Marcelino Bellardt, diretor geral da Nater Coop

No mercado há 58 anos, a Cooperativa Agropecuária Centro Serrana (Coopeavi) passa a se chamar Nater Coop. O novo nome visa demonstrar as atividades que foram incorporadas pela organização ao longo do tempo, que reúne segmentos tão diversos como cafeicultura, bovinocultura, horticultura, agroindústria e varejo. Com origem e sede no município de Santa Maria de Jetibá (ES), maior município produtor de ovos do Brasil, a cooperativa nasceu inspirada pela avicultura, atividade que continua sendo relevante no seu portfólio, mas ganhou a companhia de outros segmentos. Nater Coop busca ser uma marca global para alcançar todas as frentes da cooperativa.

O novo nome carrega o conceito que deu origem à cooperativa, cujo propósito é “Unir famílias que alimentam famílias”. As sílabas que formam o nome representam natureza, terra e o nome ainda é uma derivação da palavra mater/mãe, um vínculo forte para toda família. Nater Coop é um nome que traduz a força da organização e o compromisso com os cerca de 19 mil cooperados, 1.100 colaboradores e mais de 30 mil produtores rurais com os quais a organização se relaciona.

“Passamos a atuar em vários segmentos do agro, desde o plantio até o consumidor final. Após quase seis décadas de história, nos sentimos preparados para evoluir e construir uma trajetória ainda mais sólida, priorizando sempre o apoio aos nossos cooperados, clientes e sociedade em geral”, destaca Marcelino Bellardt, diretor geral da Nater Coop.

A marca passa a identificar as lojas de produtos agropecuários, presentes em mais de 30 municípios do Espírito Santo e de Minas Gerais, e a rede própria de atendimento de postos de combustíveis e supermercados. As outras marcas gerenciadas pela organização serão mantidas: Veneza (alimentos) Liva (ovos), Pronova (café), conforme destaca Bellardt, acrescentando que a tagline que acompanha a nova identidade – Juntos para alimentar e crescer – traduz a ideia de uma marca global ao lado das já existentes, cada qual com sua força e tradição.

“Continuamos unidos pelos princípios do cooperativismo, compartilhando conhecimento, boas práticas de produção e oferecendo condições diferenciadas aos nossos associados”, afirma o diretor geral da Nater Coop. Ele destaca o estudo recente do Instituto Euvaldo Lodi sobre as 200 Maiores e Melhores Empresas do Espírito Santo (Anuário IEL 2022), que apontou a cooperativa como a maior no segmento da agricultura e pecuária no estado.

É essa a fortaleza que a nova marca representa, complementa ele, destacando que a cooperativa já exporta para 11 países. Uma marca global e representativa é importante para fortalecer a presença no mercado, segundo observa o diretor geral, acrescentando que a estrutura organizacional da cooperativa não sofre alteração. “Somos a mesma cooperativa, agora com uma marca que engloba todas as nossas atividades”, resume Bellardt.

Compartilhar

Deixe uma resposta

*