Estado celebra parcerias para implementação de projetos no campo da política sobre drogas

0
10

O Governo do Estado, por meio da Subsecretaria de Estado de Políticas sobre Drogas, premiou 27 iniciativas no campo da política sobre drogas. A cerimônia de celebração das parcerias foi realizada nesta terça-feira (22) no auditório do Centro de Acolhimento e Atenção Integrada sobre Drogas (CAAD), no Centro de Vitória. O evento teve a participação do governador do Estado, Renato Casagrande.

Os projetos foram contemplados pelos editais de Boas Práticas e de Reinserção Social e Produtiva promovidos pelo Programa Estadual de Ações Integradas sobre Drogas, a Rede Abraço. O Edital de Boas Práticas selecionou 21 projetos de prevenção ao uso de drogas ou de cuidados e tratamentos a pessoas com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas. Cada um dos contemplados receberá o prêmio de R$ 30 mil para viabilização ou fortalecimento da iniciativa, totalizando R$ 630 mil.

Já o Edital de Reinserção Social e Produtiva visou ao chamamento público de Organizações da Sociedade Civil (OSCs) para celebração de parceria e execução de projetos de inserção no mercado de trabalho e fortalecimento da convivência social e comunitária de pessoas com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas. Cada um dos seis projetos selecionados receberá o valor de R$ 60 mil. O total da premiação será de R$ 360 mil.

Em sua fala, Casagrande falou sobre a parceria do Governo do Estado com entidades no atendimento às pessoas com dependência de drogas. “No que pudermos ajudar e ser parceiros das entidades no enfrentamento desse problema, vamos fazer. O trabalho do governo ajuda, mas é a sociedade que irá achar caminho para reduzir os impactos desse malefício”, disse.

O governador lembrou que o CAAD já realizou mais de nove mil atendimentos nos últimos anos e a atuação na política sobre drogas foi fortalecida nesta gestão. “Não podemos abrir mão da qualidade, mas precisamos ajudar as comunidades terapêuticas para que tenhamos mais gente ajudando neste trabalho. Temos que avançar mais enquanto governo, contudo, os municípios também precisam avançar. Por isso, vamos financiá-los para que cada um tenha seu Centro de Atenção Psicossocial. Queremos estabelecer uma rede em conjunto com os municípios”, enfatizou.

De acordo com o secretário de Estado do Governo, Álvaro Duboc, “o objetivo dos editais de Boas Práticas e de Reinserção Social e Produtiva é incentivar e fomentar iniciativas criativas na temática prevenção, cuidados e proteção que proporcionem bem-estar e mais qualidade de vida a pessoas com necessidades decorrentes do uso abusivo de álcool e outras drogas que residem no Espírito Santo.”

“Os projetos contemplados pela Rede Abraço em 2020 e 2021 nos mostraram que é possível trabalhar a temática das drogas, sobretudo a prevenção, o cuidado e tratamento e a reinserção social, com soluções criativas, inovadoras e potentes”, afirmou o subsecretário de Estado de Políticas sobre Drogas, Carlos Lopes. 

Também estiveram presentes no evento, a vice-governadora do Estado, Jacqueline Moraes, e a vice-prefeita de Vitória, Capitã Estéfane.

Projetos contemplados pelo Edital de Boas Práticas 2022

Eixo Temático I – Prevenção ao uso de drogas

Plantando novos horizontes
Proponente:
Pollyana Tereza Ramos Pazolini
Proposta: Horta medicinal e rodas de conversa com a população atendida na USF de Barra de Jucu.
Local: Barra do Jucu e região (Vila Velha)

Aconchego – Grupo Terapêutico para Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais
Proponente: Associação Grupo Orgulho, liberdade e dignidade (GOLD)
Proposta: Grupos terapêuticos e atendimentos individuais para pessoas a partir de 18 anos, LGBTT+ visando a redução dos impactos decorrentes do uso de álcool e drogas.
Local: Grande Vitória 

Diga sim à Vida! 
Proponente: Associação Ambientalista de Marilândia (AMA)
Proposta: Radiodifusão e podcasts de prevenção ao uso de drogas para alunos da Escola Família Agrícola de Marilândia, além da criação e distribuição de cartilha educacional para a cidade. 
Local: Marilândia 

A educação permanente como estratégia de apoio à Política Nacional de Redução de Danos – aposta no conhecimento como um caminho de desconstrução de estigmas e construção de redes
Proponente: Multicoop Saúde
Proposta: Formação para profissionais das áreas de saúde, assistência social, sistema prisional e socioeducativo no Espírito Santo.
Local: Vitória 

Saber Viver 
Proponente: Associação de moradores, cultural, esportiva e social do bairro Elias Bragatto 
Proposta: Oficinas culturais para jovens entre 15 e 29 anos da Comunidade Elias Bragatto.
Local: Ibiraçu

Casa Lilás no Território do Bem
Proponente: Casa Lilás Myrian Junger Mafra
Proposta: Atendimento individual, arteterapia e mentoria profissional para mulheres negras que sofreram violência de gênero e/ou raça com a finalidade de prevenir o uso abusivo de álcool e outras drogas. 
Local: Território do Bem (São Benedito, Itararé, Bairro da Penha, Consolação, Gurigica e Bonfim), em Vitória. 

Projeto Reforço Escolar
Proponente: Rede Amor e Compaixão
Proposta: Reforço escolar para crianças e adolescentes com idade entre 6 e 16 anos em situação de defasagem escolar.
Local: Jaburu (Vitória)

Programa Consciência Cidadã
Proponente: Instituto Grande Loja Maçônica do Estado do Espírito Santo
Proposta: Palestras e atividades com adolescentes estudantes de Cariacica e Vila Velha.
Local: Cariacica e Vila Velha

Eixo Temático II – Prevenção ao uso de drogas no Estado Presente 

Escrita criativa: educação popular na prevenção do uso de álcool e outras drogas com adolescentes
Proponente: Maurenia Lopes Ferreira de Almeida
Proposta: Realização de 36 oficinas de escrita criativa com adolescentes de Soteco.
Local: Soteco (Vila Velha)

Juventude do Samba
Proponente: Instituto Raízes
Proposta: Realizar discussão com 150 jovens integrantes da bateria do Grêmio recreativo Escola de Samba da Piedade sobre o uso de substâncias psicoativas. 
Local: Piedade, Fonte Grande e Centro (Vitória) 

Caminhos possíveis
Proponente: Idalina de Souza Costa
Proposta: Rodas de conversa, palestras e oficinas com adolescentes entre 13 a 18 anos atendidos no CRAS Padre Gabriel. 
Local: Padre Gabriel (Cariacica)

Sou a favor da Vida, supero desafios
Proponente: Comunidade Terapêutica Betânia 
Proposta: Realizar palestras e eventos em escolas e CREAS de Aracruz.
Local: Aracruz

Papo aberto sobre drogas
Proponente: Associação de Prevenção e Assistência aos Dependentes de Drogas (APADD)
Proposta: Realizar rodas de conversa e palestras para crianças, adolescentes e jovens em escolas, redes de acolhimento, centros comunitários ou igrejas do Território da Terra Vermelha. 
Local: Barramares, Ulisses Guimarães, Morada da Barra, João Goulart, Riviera da Barra, Vinte e Três de Maio, Residencial Jabaeté, Cidade da Barra, São Conrado, Normilia da Cunha e Terra Vermelha (Vila Velha). 

Eixo III: Cuidado e Tratamento

Entrevista motivacional para usuários de um programa de atenção ao alcoolista: o processo de implantação e mudanças
Proponente: Lucas Queiroz Subrinho
Proposta: Promover sessões de entrevistas motivacionais (técnica de intervenção breve) para alcoolistas acompanhados pelo Programa de atenção ao alcoolista do Hospital Universitário Cassiano Antônio Moraes (HUCAM).
Local: Hucam (Vitória)

Melodia do cuidado: produção de instrumentos musicais como ferramenta terapêutica
Proponente: Marcia Cristina Borges de Souza 
Proposta: Produção de instrumentos musicais a partir de material reciclado e criação de possibilidade de geração de renda para pessoas adultas com transtornos mentais e uso de substâncias psicoativas. 
Local: CAPS I São Mateus

Integralidades: estratégias de reabilitação psicossocial 
Proponente: Daniel Delvano Silva Cunha 
Proposta: Promover oficinas expressivas de arte e cultura para adolescentes atendidos no CAPSi Vila Velha. 
Local: CAPSi Vila Velha

Entre nós 
Proponente: Flávia de Macedo Cavallini
Proposta: Oficinas de macramê, bordado, pintura e mosaico como atividade terapêutica e economia solidária para usuários do CAPS AD de Serra. Exposição coletiva ao final do projeto.
Local: CAPS AD Serra

Corpo e mente restaurados 
Proponente: Vanjeane Silva de Freitas Camargo
Proposta: Realização de atividades físicas e jogos de tabuleiro para acolhidos no Instituto de Consciência Antidrogas (ICAD).
Local: ICAD (Afonso Cláudio)

Um olhar para a saúde mental infantojuvenil – fortalecimento do CAPSi Serra 
Proponente:
Sabrina de Aquino Souza 
Proposta: Aquisição de material para a manutenção das oficinas do CAPSi  
Local: CAPS infantojuvenil da Serra

Me deixem falar: reflexões para pensar o cuidado feminino: perspectivas de cuidado com mulheres que enfrentam o uso problemático de álcool e outras drogas
Proponente: Rosimar de Oliveira Silva 
Proposta: Promover grupos terapêuticos e a produção de um livro com histórias de vida das mulheres em tratamento no CAPS AD São Mateus. 
Local: CAPS AD São Mateus

Ganhando pontos: acupuntura para alcoolistas e tabagistas na atenção básica em saúde 
Proponente: Juliana Oliosi Calheiros 
Proposta: Sessões de acupuntura para alcoolistas e tabagistas.
Local: Unidade de Saúde de Coqueiral (Aracruz)

Projetos contemplados pelo Edital de Reinserção Social e Produtiva

Eixo Temático I: Inserção no mundo do trabalho 

Mão na Massa
Proponente: Instituto de Consciência Antidrogas (ICAD)
Proposta: Aquisição de equipamentos e insumos para realização de oficinas de pães e biscoitos artesanais, visando a qualificação profissional de acolhidos. 
Local: ICAD (Afonso Cláudio)

Recomeçar 
Proponente: Associação de Prevenção e Assistência aos Dependentes de Drogas (APADD) 
Proposta: Aquisição de equipamentos e contratação de pessoas físicas e jurídicas para realização do curso de manutenção em smartphones
Local: Grande Vitória

Rompendo o analfabetismo digital: incluir para pertencer – Operador de Microcomputador
Proponente: Grupo Resgate São Francisco de Assis
Proposta: Aquisição de equipamentos para realização do curso de Operação em Microcomputadores, visando a qualificação profissional de acolhidos. 
Local: Grupo Resgate São Francisco de Assis (Linhares)

Eixo Temático II: Fortalecimento da Convivência Social e Comunitária 

Projeto futevôlei do Alfa
Proponente: Projeto Alfa Comunidade Terapêutica
Proposta: Implantação de um campo de futevôlei para práticas esportivas e de lazer na sede do projeto 
Local: Alfa Comunidade Terapêutica (Piúma)

Ainda há tempo
Proponente: Associação Coletivo Aba Tyba
Proposta: Realizar oficinas de audiovisual, arte e cultura para jovens de 15 a 29 anos em situação de vulnerabilidade social
Local: João Neiva

Criando oportunidades, transformando vidas
Proponente: Cáritas Diocesana de Colatina – Comunidade Terapêutica Betânia
Proposta: Aquisição de equipamento e insumos e contratação de mão de obra para realização do curso de Fabricação de Biscoitos e Fabricação de Massas aos acolhidos da Comunidade Terapêutica Betânia.

Compartilhar

Deixe uma resposta

*