Delegado é suspeito de agredir e enforcar namorada em hotel no ES

Vítima precisou correr do quarto e foi amparada por funcionários do hotel.

0
1083
Delegado é suspeito de agredir e enforcar namorada em hotel no ES. Crédito: Shutterstock

A Polícia Federal informou que a Corregedoria da corporação apura a denúncia contra um delegado federal suspeito de agredir a namorada dele, em um hotel no município de Afonso Cláudio, município da Região Serrana do Espírito Santo.

O crime teria ocorrido no último domingo (22). O delegado investigado, que não teve o nome informado, teria dado tapas no rosto da vítima e aplicado um golpe de estrangulamento na mulher, conhecido como “mata-leão”.

A ocorrência formalizada pela Polícia Militar levantou informações que apontam que a mulher se encontrou com o companheiro no local por volta de 16h30 de domingo (22). Duas horas depois, a briga teria começado. A ocorrência não menciona o motivo do conflito. A vítima narra aos PMs, que o delegado seria “muito ciumento”, e tentou asfixiá-la. A mulher contou ainda, que o agressor a jogou contra a parede, fazendo-a bater a cabeça na parede.

O boletim de ocorrência narra ainda, que a vítima saiu do quarto e correu até a recepção do hotel, onde foi amparada por uma funcionária do estabelecimento. O homem teria pago a conta e saído de moto, sem verbalizar para onde iria. A mulher foi socorrida para um hospital da região, onde foi atendida e orientada a procurar uma Delegacia de Polícia para prestar queixa e pedir medida protetiva contra o suspeito.

O QUE DIZ A POLÍCIA FEDERAL

Procurada pela Rede Notícia, a Polícia Federal informou ter tomado ciência do fato nesta segunda-feira (23), que seá apurado pela Corregedoria da corporação. “Atos de violência ou assédio contra mulheres não condizem com o perfil que a gestão da PF espera de seus servidores. Tais práticas, quando comprovadas, serão sempre duramente reprimidas”, concluiu a PF, por nota.

A Polícia Civil foi demandada e ainda não deu retorno.

Deixe uma resposta

*