Banestes divulga lucro de R$ 175,2 milhões em 2017

0
125

O Banco do Estado do Espírito Santo (Banestes) atingiu Lucro Líquido de R$ 175,2 milhões em 2017, valor 8,6% superior ao registrado no ano anterior.

A divulgação dos resultados aconteceu em reunião pública na manhã desta terça-feira (27), na Agência Valores, na Enseada do Suá, em Vitória. O diretor-presidente do Banco, Michel Sarkis, detalhou as marcas obtidas para acionistas, analistas de investimentos, jornalistas e outros convidados.

O Lucro Líquido de R$ 175,2 milhões é o maior da série histórica da instituição, que completou 80 anos no ano passado. No quarto trimestre de 2017, o lucro atingiu R$ 51 milhões, 29,4% maior que o trimestre anterior e 18,6% superior ao mesmo período de 2016.

Para Michel Sarkis, a marca histórica demonstra que o trabalho executado ao longo dos anos vem gerando bons resultados e os ganhos de produtividade têm se solidificado com o tempo.

“Esse resultado é fruto de um trabalho contínuo, consistente, que foi sendo gerado a partir de iniciativas de aceleração da nossa atividade comercial e intensificação das nossas políticas de crédito ao longo dos anos. É um resultado muito expressivo e significativo para nós”, comemorou.

O Resultado Operacional foi de R$ 289 milhões, expandindo 9,8% no mesmo comparativo. Foram destinados aos acionistas R$ 66,6 milhões a título de juros sobre capital próprio, 15,6% a mais que em 2016, representando a distribuição de 38% do lucro líquido do período. O Faturamento somou R$ 3,2 bilhões.

Ao final de dezembro de 2017, o Patrimônio Líquido do Banestes alcançou R$ 1,4 bilhão, sendo 10,4% superior ao mesmo período de 2016 e 0,7% acima do patrimônio líquido do trimestre anterior.

A Carteira de Crédito Ampliada atingiu saldo de R$ 5,7 bilhões no ano passado, crescimento de 15,7% comparado a 2016 e 4,8% em relação à posição de setembro de 2017. Tiveram maior evolução o financiamento imobiliário (+16,3%), as operações com cartão de crédito (+22,6%) e empréstimos (+7,2%).

A inadimplência da Carteira de Crédito Ampliada encerrou o ano em 2,5%, inferior 3,6% em relação a dezembro de 2016. A estratégia do Banco é priorizar as carteiras com menor risco, como o crédito consignado e o crédito imobiliário.

A nota de rating em escala nacional (moeda local) para risco de crédito medida pela Fitch Ratings manteve-se inalterada em A+ (bra) com perspectiva estável.

Destaque também para a valorização das ações do Banco, que resultaram em um valor de mercado do Banestes 39,2% maior que o ano anterior, atingindo a marca de R$ 1,1 bilhão.

Foram investidos, em 2017, R$ 33 milhões em Tecnologia da Informação e Comunicação, gerando melhorias significativas nos serviços bancários para os clientes, como o lançamento das novas versões do Aplicativo Banestes e Internet Banking.

Cartões

O faturamento dos cartões (Banescard e Banestes Visa) teve crescimento de 14,9% em 2017, totalizando R$ 2,1 bilhões transacionados. “Estamos intensificando nosso negócio de cartões, sempre oferecendo melhores e diferenciados produtos para o mercado, como o Banestes Visa Platinum, que é super diferenciado”, afirmou Michel Sarkis.

Na linha de frente dos principais fatores do lucro líquido do Banco está o cartão Banescard, de bandeira própria e aceito em mais de 2 milhões de estabelecimentos comerciais credenciados às redes Cielo, Getnet, Bin e Rede.

O Banescard registrou 21,4 milhões de transações em 2017, expansão de 14,7% contra o mesmo período de 2016. O volume transacionado em compras e saques (débito e crédito) atingiu R$ 1,6 bilhão, acréscimo de 13,7% na mesma comparação.

Também crescentes estão as operações com o cartão Banestes Visa. Houve 19% de aumento no número de transações e 16% no faturamento em relação a 2016, totalizando R$ 446 milhões transacionados, entre janeiro a dezembro de 2017.

Importante destacar que, no final de 2017, houve o lançamento do cartão Banestes Visa Platinum, com benefícios exclusivos aos seus clientes e que já foi avaliado como o melhor da categoria. São 2,2 pontos a cada 1 dólar gasto.

Empresas Banestes

O Banestes é composto por três outras empresas: Banestes Seguros, Banestes Corretora e Banestes DTVM. Todas obtiveram bons resultados em 2017. A Seguradora teve lucro líquido de R$ 23 milhões, aumento de 29,9% quando comparado com 2016, e a Corretora e a DTVM alcançaram, juntas, lucro líquido de R$ 10 milhões no exercício de 2017.

Saiba mais

O Banestes completou 80 anos no ano passado e possui 2.422 empregados ativos, mais de 1 milhão de clientes e a maior rede de atendimento bancário no Espírito Santo, distribuída em 843 pontos de atendimento: 130 agências, 23 postos de atendimento, 299 postos de atendimento eletrônico e 391 correspondentes bancários.

É a maior rede bancária do Espírito Santo. Em 19 municípios capixabas, o Banestes é a única instituição financeira presente na cidade.

Compartilhar

Deixe uma resposta

*